Mike Mentzer

Treinos curtos e super intensos. Como era método da lenda. 

Em breve…

Programa completo dentro do Super Treinos App

Mike Mentzer

Mike Mentzer

Mike Mentzer foi um fisiculturista estadunidense, profissional da IFBB, além de empresário e autor de livros

Nascimento: 15 de Novembro de 1951

Altura: 1m 73cm

Peso: 102kg

 

Sobre

Famoso por sua briga com Arnold Schwarzenegger no Olympia de 1980 por seu estilo de treinamento ‘Heavy Duty’. Mike Mentzer é um dos fisiculturistas clássicos dos primeiros anos. A história de Mike é de tragédia, mas também de redenção e dedicação.

Ele sempre será lembrado não apenas por ter um dos maiores físicos de todos os tempos, mas também por ter uma das maiores histórias.

Conquistas

Competições:

 

  • 1971 Mr. Lancaster – 1º
  • 1971 AAU Mr. America – 10º
  • 1971 AAU Teen Mr. America – 2º
  • 1975 IFBB Mr. America – 3º (Médio)
  • 1975 ABBA Mr. USA – 2º (Médio)
  • 1976 IFBB Mr. America – 1º (geral)
  • 1976 IFBB Mr. America – 1º (Médio)
  • 1976 IFBB Mr. Universo – 2º (MW)
  • Campeonato Norte-Americano da IFBB de 1977 – 1º (Geral)
  • Campeonato Norte-Americano da IFBB de 1977 – 1º (MW)
  • 1977 IFBB Mr. Universo – 2º (HW)
  • 1978 IFBB EUA vs Mundo – 1º (HW)
  • Campeonato Mundial Amador da IFBB de 1978 – 1º (HW)
  • 1979 IFBB Canada Pro Cup – 2º
  • 1979 IFBB Florida Pro Invitational – 1º
  • 1979 Noite dos Campeões da IFBB – 3º
  • 1979 IFBB Mr. Olympia – 1º (HW)
  • 1979 IFBB Pittsburgh Pro Invitational – 2º
  • 1979 IFBB Southern Pro Cup – 1º
  • 1980 IFBB Mr. Olympia – 5º

Biografia

Primeiros anos

Mike Mentzer começou no fisiculturismo aos 12 anos. O Heavy Duty, como ficou conhecido, nasceu e cresceu em Ephrata, Pensilvânia. Vindo de um lar bem educado, o pai de Mike regularmente testava e encorajava seu conhecimento acadêmico usando várias recompensas, incluindo dinheiro para garantir que ele se destacasse.

O primeiro conjunto de pesos de Mike foi comprado para ele por seu pai. Ele começou a treinar musculação 3 vezes por semana e, aos 15 anos, Mike conseguia fazer supino com 170 kg, com um peso corporal de apenas 75 kg.

No entanto, Mentzer estava apenas se aquecendo. Quando ele começou seu serviço de 4 anos na Força Aérea dos Estados Unidos, Mike passava 6 dias por semana na academia, normalmente por até 3 horas de cada vez.

Em 1971, Mike venceu sua primeira competição, o Mr. Lancaster aos 18 anos. No entanto, ano também marcou sua pior derrota; 10º lugar na AAU Mr. America. Foi nesse evento que Mike seria apresentado a Arthur Jones. Jones era um treinador talentoso e inventor de muitas das primeiras máquinas de exercícios – ele começou a treinar Mike, acreditando firmemente no potencial do adolescente.

3 anos parado

Em 1971, Mike sofreu uma grave lesão no ombro que interrompeu seu treinamento a longo prazo.

Estando fora de 1971 a 1974. Durante seu tempo de inatividade, Mike começou a estudar para ser psicólogo em 1974 para manter sua mente acadêmica ativa. Ele fez isso na Universidade de Maryland – no entanto, em 1977, Mike desistiu, percebendo que o assunto não era para ele.

Mike não pegaria peso até 1975, mas quando finalmente conseguiu, Mike voltou com força total. Para voltar à ação, Mike entrou em 1975 IFBB Mr. America para ver onde ele estava. Foi um retorno respeitável, chegando em um modesto 3º lugar, depois de Roger Callard e ‘The Black Prince’, Robby Robinson.

Abuso de drogas e o Olympia de 1980

O 1980, IFBB Mr. Olympia em Sydney foi a próxima grande competição de Mike. Um ano antes, em 1979, Mike começou a usar anfetaminas. Ele alegou que precisava dele para produtividade e não o usava para recreação.

Embora não houvesse relatos de efeitos colaterais de longo prazo na época, Mike começou a sofrer de fadiga e passava dias inteiros na cama sem poder levantar um braço. Ele descreveu esse sentimento como estando “às portas da morte”.

Dois dias antes do Olympia de 1980, Mike foi revisitado pela sensação de “porta da morte”. Não foi até a manhã da competição que ele sentiu que havia se recuperado.

“Eu estava no meu melhor, mas não me sentia no meu melhor. Simplesmente não parecia uma competição normal; ninguém estava sendo seu eu habitual. Houve uma tensão e tensão no ar durante todo o tempo.”

Frente a Frente com Arnold

Mais tarde naquele dia, Arnold Schwarzenegger, que se acreditava estar aposentado, anunciou suas intenções de competir no evento. Isso foi recebido com raiva de muitos competidores, incluindo Mentzer. Ele era o favorito de um juiz, e muitos competidores acreditavam que com sua nova fama ele poderia ganhar puramente pela popularidade.

Uma reunião foi convocada, com muitos relatos alegando que foram trocados insultos entre Mentzer e Schwarzenegger e que uma briga quase estourou.

Mike Mentzer ficou em 5º. Arnold, apesar de quebrar a formação em várias ocasiões e receber uma advertência dos juízes, ficou em 1º. Isso não agradou a Mike, e ele não tinha medo de falar sobre isso de maneira desdenhosa em seus seminários – o que pode ter levado à sua lista negra não oficial da IFBB.

Isso pode ter sido uma má jogada, pois 2 anos após a lista negra, Mike praticamente não tinha renda.

Revista de treino

Por volta de meados de 1983, Mike conseguiu encontrar um papel como editor da ‘Workout Magazine’. Ele gostava do trabalho, mas dependia de anfetaminas para cumprir os prazos, às vezes ficando acordado por dois ou três dias seguidos. No ano de 1985 ele alegou;

“A revista estava indo muito bem quando, assim que começou a dar lucro, o pessoal financeiro – por qualquer motivo – desligou a coisa toda e encerramos a operação. Foi um golpe esmagador. Coloquei 110% na empresa e não deu certo.”

Quando a Workout Magazine cessou, Mike logo depois perdeu seu amado pai e, como se não houvesse o suficiente para o fisiculturista lidar, seu relacionamento de 10 anos com a noiva Cathy Gelfo chegou ao fim.

A Batalha de 5 Anos

Foram esses três eventos infelizes, combinados com o uso contínuo de anfetaminas, que levariam ao declínio de Mike Mentzer.

Mike lutou contra seus demônios por 5 anos e foi internado no hospital em várias ocasiões. Neste ponto, a maioria da comunidade de fisiculturismo virou as costas para Mike. No entanto, duas pessoas permaneceram e o apoiaram; um escritor sênior da revista Flex chamado John Little, e a ex-namorada de Mike, Julie McNew.

“Julie, embora nosso relacionamento tenha terminado, foi muito solidária, emocional e financeiramente, durante todo esse período de cinco anos”, afirma Mike. “Só agora posso apreciar sua amizade.”

“John Little foi um dos poucos que não se aproximou de mim com a suposição ignorante de que eu era um ‘doido’ ou um ‘louco’. Ele conversava longamente comigo, e lembro-me dessas conversas com carinho, o que me faz pensar com carinho em John Little. Ele nunca me descartou.”

Com a chegada de 1990, Mike se viu mais uma vez hospitalizado. Só que desta vez, as coisas foram diferentes. Em vez de culpar os outros, ele percebeu que era ele quem estava fora de controle, nem todos e tudo o mais.

Com essa percepção, Mike jurou a si mesmo voltar aos trilhos. Poucos dias depois de deixar o hospital, ele abordou a Gold’s Gym, em Venice, e os convenceu a deixá-lo começar como personal trainer.

A partir daí, foi para a frente e para cima. Apesar do revés ocasional, Mike começou a fazer seu nome e estava mais uma vez de volta ao circuito.

Os problemas cardíacos de Ray Mentzer e Mike

O irmão mais novo de Mike, Ray, que foi o vencedor do Mr. America de 1979, começou a receber diálise renal em 1999. Ray estava na lista de espera para um transplante, e a escolha óbvia foi seu irmão mais velho de 21 meses, Mike.

No entanto, ao ser verificado se ele poderia fornecer o órgão para seu irmão – o médico descobriu que Mike tinha problemas cardíacos muito sérios. Isso significava que o transplante estava fora da mesa, e Ray teria que esperar mais. Para cuidar dele, Mike foi morar com Ray, e os dois se aproximaram nos anos seguintes.

A morte de Mike

Mike Mentzer morreu no domingo, 10 de junho de 2001. No dia anterior, ele e o irmão Ray estavam trabalhando em um DVD fitness intitulado ‘HIT’. Depois de um dia de filmagem, Ray se deitou na cama. Mike sendo Mike, ficou acordado até tarde para trabalhar nos roteiros.

Apesar de seu irmão mais novo insistir que ele fez uma pausa. Foi naquela manhã que Mike foi encontrado morto por seu irmão.

Ele havia sofrido um ataque cardíaco enquanto dormia. Uma perda trágica, que seria seguida logo depois por seu irmão. Depois de não comparecer a uma sessão de diálise, Ray também foi encontrado morto no mesmo apartamento, menos de 48 horas depois.

“Escrevi em meu livro ‘Heavy Duty II: Mind and Body’ que a ideia não é ‘mais é melhor’ ou ‘menos é melhor’, mas ‘preciso é melhor’; e como aprendi treinando cerca de 2.000 pessoas e eu que a quantidade exata de exercício necessária para induzir a estimulação ideal do crescimento não é tanto quanto você foi levado a acreditar ou gostaria de acreditar.”

Treino

O estilo de treino de Mike Mentzer foi desenvolvido a partir do HIT, High-Intensity Training que foi fundado por Arthur Jones nos anos 70. Mentzer, porém, construído sobre este modelo, optou por uma variação ‘Heavy Duty’. Isso exigiria um peso que o levaria a exaustão muscular entre 6 e 9 repetições. Então, uma vez que você atingiu a falha, continue. Usando um observador, muitas vezes seu irmão mais novo Ray, Mike iria realizar 2-3 repetições forçadas, como negativas (controlando o peso lentamente) além do ponto de falha muscular excêntrica.

A execução de Mike seria mantida absolutamente perfeita. Os pesos se moviam de maneira perfeitamente controlada e lenta. O descanso foi fundamental. Mike costumava manter sua semana de treinamento em 3 dias úteis com 4 para descanso. Mais tarde, à medida que sua musculação progredia, ele se movia para descansar entre 4-7 dias entre os treinos.

mike mentzer super treinos

“Não subestime o valor de uma dieta bem equilibrada. Pense nisso. O que poderia ser melhor do que uma dieta bem equilibrada, que cobre todas as suas necessidades nutricionais.”

Nutrição

Mike entendia que um indivíduo tinha necessidades individuais, mas por dentro todos trabalhávamos da mesma forma. Mike acreditava que os fisiculturistas não precisavam dos níveis de proteína que eram vendidos pelas revistas. Esta é uma opinião realizada por muitos fisiculturistas hoje. Como Mike coloca em seu livro ‘Heavy Duty’:

“O fato de o músculo ter apenas 22% de proteína sugere que nossas necessidades de proteína não são tão altas. E só porque o músculo é mais de 70 por cento de água não significa que deve começar a beber galões e galões de água por dia para acelerar o processo de crescimento muscular também.”

Mike Mentzer adotou uma abordagem bastante ampla de sua nutrição em termos de fontes de alimentos e comia de acordo com 4 grupos de alimentos e as porções de cada um. Ele dividiria uma dieta típica de fisiculturistas no seguinte:

  • Cereais e Grãos – Quatro ou mais porções por dia
  • Frutas e Legumes – Quatro ou mais porções por dia
  • O grupo de alta proteína (peixe, carne, ovos) – duas ou mais porções por dia (porção básica de carne = 3,5 onças, equivalente à 100 gramas do alimento cozido)
  • Leite e produtos do grupo lácteo (Leite e queijo) – Duas porções por dia.

“A estatura adequada do homem não é de mediocridade, fracasso, frustração ou derrota, mas de realização, força e nobreza. Em suma, o homem pode e deve ser um herói.”

Sobre o programa

Baseado na divisão muscular semanal, exercícios e métodos de treinos do Mike, elaborei um programa de musculação exclusivo para você, o afegão médio, praticante avançado em academia que está de saco cheio de seguir a mesma ficha do instrutor.

Como você leu anteriormente, Mike treinava o menos possível. Poucos exercícios, poucas séries e sempre até a falha total da musculatura com a ajuda de um parceiro. Bom, nem todos dispõe de um parceiro de treino e conseguem atingir a falha em uma única série, em um único exercício. 

Por isso elaborei um programa adequado com um pouco mais séries e exercícios para você. Ainda sim respeitando seu método HIT, o treino permanecerá curto e intenso, tornando-se ideal para quem não pode ficar mais de 50 minutos na academia.

O programa é ideal para quem treina quatro (4) vezes na semana.

workout routine dolph lundgren

Divisão Corporal

Confira abaixo como é a divisão corporal para este programa do Mike Mentzer:

2ª feira: Treino A – Peitorais e Costas

3ª feira: Treino B – Pernas

4ª feira: descanso

5ª feira: Treino C – Ombros, Bíceps e Tríceps

6ª feira: Treino D – Pernas

Sábado: descanso

Domingo: descanso

Confira no vídeo abaixo como foi feito a periodização deste programa de treinamento.

Vinicius Piffardini

Professor de Educação Física CREF 097243-G/SP

Responsável pela elaboração dos programas do aplicativo.

Possíveis Dúvidas

Treino 5 ou 6 vezes na semana. Como poderia adaptar?

Para uma frequência semanal de 5 treinos na semana, descarte o descanso das quartas-feiras e siga o programa ininterruptamente:

2ª feira: Treino A – Peitorais e Costas

3ª feira: Treino B – Pernas

4ª feira: Treino C – Ombros, Bíceps e Tríceps

5ª feira: Treino D – Pernas

6ª feira: Treino A – Peitorais e Costas

Sábado: descanso

Domingo: descanso

 

Para uma frequência semanal de 6 treinos na semana, descarte o descanso das quartas-feiras e dos sábados e siga o programa ininterruptamente:

2ª feira: Treino A – Peitorais e Costas

3ª feira: Treino B – Pernas

4ª feira: Treino C – Ombros, Bíceps e Tríceps

5ª feira: Treino D – Pernas

6ª feira: Treino A – Peitorais e Costas

Sábado: Treino B – Pernas

Domingo: descanso

Nestes casos você deve descartar a descrição “Semana 1”, “Semana 2” dos treinos dentro do aplicativo. Nós colocamos elas apenas para a divisão original, que neste programa são para 4x/semana.

Posso fazer esse programa visando definição muscular?

Este programa pode não surtir efeito para pesoas que buscam emagrecer. A recomendação é escolher um programa de musculação com mais volume de treino e a rotina alinhada com uma dieta hipocalórica ministrada por um profissional capacitado.

Sou mocinha, posso fazer esses treinos?

Se você gosta de treinar pesado, até a falha, busca aumento de massa muscular nos membros superiores e tem pouco tempo para treinar, esse programa é bem-vindo.

Veja mais sobre programas femininos clicando aqui!

 

Como acessar esses treinos?

Esses e outros programas de musculação estão disponíveis no Super Treinos Premium.

Crie uma conta.

Depois baixe o app e confira nossos treinos.

Veja também no app

Séries para hipertrofia de outras lendas do fisiculturismo

FAQ

O que é o Super Treinos App?

O Super Treinos é um aplicativo de musculação que oferece programas de treinamentos para diversos níveis e objetivos prontinhos para serem seguidos do início ao fim com todas as instruções em vídeos.

Você inclusive encontra recomendações personalizadas para o seu perfil usando o "Cronograma" de programas na tela "home".

Como é a versão Premium?

A versão Premium do Super Treinos oferece acesso a todos os programas de musculação disponíveis no app e ainda funcionalidades para você ter uma ótima experiência de treino em casa ou na academia.

Como assino o Premium?

Crie uma conta ou entre na sua conta clicando aqui.

 

Ao logar, você poderá escolher os seguintes planos:

 

Assinatura recorrente mensal
  • Valor: R$ 45,90/mês.
  • Renovação automática.
  • Pagamento: cartão de crédito.
  • Sem fidelidade.
  • Cancele a qualquer momento.

 

Plano Pré-pago de 1 mês
  • Valor: 45,90 à vista.
  • Sem renovação automática.
  • Pagamento: cartão de crédito, Pix ou Boleto.
  • Fidelidade de 1 mês.

 

Plano Pré-pago de 6 meses
  • Valor: 6x R$ 43,58 (1,5% juros a.m.) ou 239,90 à vista.
  • Sem renovação automática.
  • Pagamento: cartão de crédito, Pix ou Boleto.
  • Fidelidade de 6 meses.

 

Plano Pré-pago de 12 meses
  • Valor: 12x R$ 39,04 (1,5% juros a.m.) ou 397,00 à vista.
  • Sem renovação automática.
  • Pagamento: cartão de crédito, Pix ou Boleto.
  • Fidelidade de 12 meses.

Formas de pagamento

Nos planos do site oferecemos pagamentos por cartão de crédito, pix e boleto.

Dentro do aplicativo através das assinaturas recorrentes apenas cartão de crédito.

A assinatura recorrente é mais barata no site.

Como cancelar a assinatura?

Você pode cancelar a sua assinatura recorrente a qualquer momento pelas lojas virtuais Play Store ou App Store ou pelo site. Quando cancelar, sua conta será revertida automaticamente para o plano "Gratuito".

 

Para assinantes recorrentes:

 

  • No Android, acesse a Play Store > Conta Google (clicando na sua foto) > Assinaturas > Super Treinos > Cancelar assinatura.
  • No iPhone, acesse a App Store > iTunes (clicando na sua foto) > Assinaturas > Super Treinos > Cancelar assinatura.
  • No Site Oficial via Pagarme, faça o login na sua conta > Gerenciar assinatura > Cancelar.

 

Para mais detalhes, acesse nossa Política de cancelamento.

Premium

Acesse todos os conteúdos e funcionalidades na versão premium.